Nissan e.dams marca pontos nas duas primeiras corridas da nova temporada da Fórmula E

Março 1, 2021

DIRIYAH, Arábia Saudita – A Nissan e.dams marcou pontos nas duas corridas da nova temporada do Campeonato ABB FIA de Fórmula E neste fim de semana. As provas em Diriyah, na Arábia Saudita, foram noturnas e, por isso, a pista foi iluminada artificialmente por holofotes. A rodada dupla cheia de ação também foi a primeira vez em que a categoria 100% elétrica foi disputada como um Campeonato Mundial da FIA.
Realizadas no circuito de rua apertado e cheio de curvas de Diriyah, localizado em uma área tombada pelo Patrimônio Mundial da UNESCO, ambas as corridas foram cheias de incidentes. Mesmo assim, o piloto Oliver Rowland da equipe Nissan e.dams conseguiu marcar pontos nas duas provas, acumulando um total de 14 pontos – oito na primeira rodada e seis na segunda rodada.
Rowland se classificou na 10ª posição na primeira rodada, depois de ter sido o mais rápido em seu grupo de qualificação número um. Durante a corrida, o piloto partiu para atacar o pelotão, cruzando a linha de chegada em 6º. Na segunda rodada, ele foi mais uma vez o mais rápido em seu grupo de qualificação número um, mas largou do 13º  lugar, partindo mais uma vez para a briga para conquistar posições e terminando em 7º. Não fosse pela segunda corrida ter sido abreviada pelo carro de segurança e uma bandeira vermelha, Rowland teria tido condições de marcar mais pontos.

Tough race! @oliverrowland1 takes points in P9 & @Sebastien_buemihad to retire 🏎️@Nissan #NissanFormulaE #IntelligentMobility pic.twitter.com/28NPYQuW8V
— Nissan NISMO (@NISMO) February 27, 2021

Já o piloto Sébastien Buemi da Nissan e.dams se classificou em 17º na primeira rodada, evoluindo até a 13ª posição. Na segunda rodada Buemi se classificou na 8ª posição e subiu para a 7ª, até que um incidente às margens da linha de corrida fez com que ele perdesse aderência e colidisse contra um muro, o que o obrigou a abandonar a prova.
Para a Nissan, o campeonato de corridas de rua 100% elétrico leva a emoção e a diversão dos carros elétricos zero emissão para uma plateia global. Os veículos elétricos de alta performance desempenham um papel fundamental nas iniciativas da Nissan para acelerar a integração dos veículos zero emissão na sociedade.
“É incrível ver a sétima temporada finalmente começando, com corridas cheias de ação, mas estes não eram exatamente os resultados que queríamos, ou que achamos que poderíamos ter conquistado”, disse Tommaso Volpe, diretor mundial de esportes a motor na Nissan. “Tanto o Oli como o Séb demonstraram um bom ritmo, mas tivemos falta de sorte com o abandono do Séb e pelo fato de a corrida ter sido abreviada para o Oli, devido à bandeira vermelha. Entretanto, um dos nossos principais objetivos na Fórmula E é mostrar a uma plateia global como os carros 100% elétricos podem ser rápidos e emocionantes e estas corridas sob holofotes em Diriyah foram capazes de mostrar exatamente isso”.
Na sétima temporada, a equipe de corrida está conectando sua competição na Fórmula E aos veículos elétricos de produção em série da Nissan. O carro nº 22 passou a se chamar LEAF, o mesmo nome do veículo 100% elétrico da Nissan. Já o carro nº 23 foi batizado com o nome do SUV crossover 100% elétrico Nissan Ariya.
“A corrida foi emocionante para os fãs, com muita ação, incidentes e ultrapassagens, mas difícil para a equipe”, disse Gregory Driot, codiretor da equipe Nissan e.dams. “O Oli demonstrou que ele e o carro tinham ritmo, pois ele foi o mais rápido em seus dois grupos de qualificação na pista escorregadia que os pilotos enfrentaram no primeiro grupo de qualificação, além de ter marcado sólidos pontos para a equipe. O Séb estava brigando para subir posições e em seu esforço para marcar alguns pontos para a equipe acabou topando no muro, mas infelizmente as corridas são assim. Estamos ansiosos pelas próximas corridas e vamos usar estas 2 rodadas para chegar ainda mais fortes em Roma, em abril”.
Comentários dos Pilotos
Oliver Rowland
“Tivemos duas corridas positivas aqui em Diriyah, mas foi uma pena que a segunda rodada foi abreviada pela bandeira vermelha hoje. Acho que tínhamos potencial para conquistar mais algumas posições até o final da prova. No final das contas, acho que a equipe fez um grande trabalho, marcou 14 pontos e, considerando que o primeiro grupo de qualificação enfrentou a pista com muito mais areia, foi um belo esforço. Sinto que tínhamos potencial para conquistar vitórias aqui, mas agora teremos que nos preparar para Roma, por isso vamos trabalhar duro para atingir os resultados que merecemos”.
Sébastien Buemi
“Estou muito decepcionado com a segunda rodada hoje. Tive belas oportunidades para marcar alguns bons pontos avançando para o 7º lugar, mas, infelizmente, não consegui. Cometi um erro e bati contra o muro, tive que abandonar a prova. Tivemos um bom ritmo e eficiência nas duas corridas no geral, por isso poderíamos ter marcado mais pontos. Temos que levar o que foi positivo deste fim de semana. Vamos nos reorganizar e nos concentrar em Roma”.

TV Cross Brasil

No Banner to display