Gaiola Cross dá largada às disputas da XXIV Fenajeep

Emoção e adrenalina marca primeiro dia de prova na Festa Nacional do Jeep

A emoção da categoria 4×2 invadiu a pista da XXIV Fenajeep na tarde desta quinta-feira, 15 de junho, com o início das disputas da Gaiola Cross. A prova que estreou as competições de 2017 foi bastante acirrada e empolgou o público presente, que vibrou a cada volta em que os pilotos corriam contra o relógio, testando suas habilidades e a resistência dos veículos.

Participantes de Santa Catarina e das mais variadas partes do país entraram na pista com garra e determinação para garantir o melhor tempo no primeiro dia da corrida. Douglas Kocholy, da cidade de Araucária, no Paraná, foi o primeiro piloto a entrar na pista da Fenajeep 2017 com a gaiola #14. “Participo da festa há cinco anos. A primeira vez vim como visitante e nos últimos quatro anos, venho para competir de gaiola. A adrenalina é alta. Apesar de já ter corrido várias vezes aqui, sempre dá um nervoso na hora de entrar na pista, mas a sensação é muito boa”, descreve.

Mais do que ganhar dos demais competidores, o maior desafio do Gaiola é vencer o cronômetro. Esse é o objetivo que Gustavo Luis Theobald persegue há nove anos. O piloto do Rio Grande do Sul, veio pela primeira vez para a Fenajeep em 2002 e desde 2008, compete na Gaiola Cross. “A paixão pela corrida está no sangue. Nunca ganhei aqui na Fenajeep, mas tenho melhorado meu tempo nas últimas competições e meu objetivo neste ano é classificar para participar da final. Vamos ver se vai dar certo”, observa Gustavo.

Prova

Antes do início da Gaiola Cross, no início da tarde, os diretores da prova, Bruno Lang e Claudiomir Reitz (Kiko) estiveram reunidos com os pilotos, para passar as orientações e instruções sobre a disputa, o trajeto, o novo traçado da pista, entre outras informações. Tudo para garantir a segurança e o melhor desempenho dos competidores. “A prova aconteceu dentro do planejado neste primeiro dia e como qualquer outra competição, precisou de alguns ajustes iniciais. Mas já está tudo alinhado e fluindo rapidamente, com pouca manutenção de pista”, comenta Kiko.

A principal novidade desta edição é a mudança de sentido da competição, com o novo traçado da pista, que agora volta a ser anti-horário. Além disso, a famosa rampa, um ícone da Fenajeep, também está de volta nesta edição da festa, garantindo ainda mais emoção. “Pelo que observamos, o novo sentido do traçado e a rampa foram aprovados pelos participantes. Os pilotos estão curtindo e a nossa preocupação é sempre garantir a satisfação deles. Estamos nos esforçando para dar tudo certo”, salienta Bruno.

Foto: 4941

Crédito: Ana Roberta Venturelli

Legenda: Gaiola Cross estreou as competições da Fenajeep 2017 e empolgou o público na tarde de quinta-feira

Foto: 4912

Crédito: Ana Roberta Venturelli

Legenda: O paranaense Douglas Kocholy foi o primeiro piloto a entrar na pista com a gaiola #14